31 de maio de 2010

Novo reality show americano deve falar sobre o modo de vida Gay

Reichen Lehmkuhl

O canal americano LOGO, voltado ao público LGBT, começou a desenhar melhor o que deve ser um reality show sobre o modo de vida Gay.

Com o título provisório de “A-List New York”, alguns dos participantes devem ser um Homossexual conservador, um casal interracial e o modelo Gay Reichen Lehmkuhl.

Lehmhuhl foi alçado à fama após vencer o programa The Amazing Race, em 2003, no qual competia ao lado do seu então companheiro, Chip.

Três anos depois, o bonitão namorou o ex-N' Sync Lance Bass, formando um dos casais Gays mais fotografados pelas revistas de celebridades.


Notícias Relacionadas
- Brasil produz seriado Lésbico "Amor, I Love You" para TV paga
- Canal BBC exibe filme sobre Lésbica assumida do Século 19
- Fantástico exibe matéria sobre Travesti que faz doutorado
- Canal Futura promove um debate sobre a homofobia
- Showtime divulga o cartaz de reality show "The Real L Word"
- Canal ABC apresenta documentário sobre crianças Transexuais
- Artista americano lança campanha pelos Gays nas forças armadas
- Seriado britânico Skins ajuda Gays e Lésbicas a sair do armário
- TV UNAM exibe Casamento Gay no México
- Grupo Gay GLAAD elege os canais de TV mais Gay-Friendly

Antônia Fontenelle vive uma Lésbica no cinema e Travesti no teatro

Mateus Rocha, Antônia Fontenelle e Milena Toscano

Enquanto muitos atores se dedicam a um personagem da comunidade LGBT por vez, a atriz Antônia Fontenelle resolveu viver uma Lésbica e uma Travesti de uma vez só.

Isso porque ela vive uma Lésbica no filme “Assalto ao Banco Central”, e uma Travesti na peça Vidas Divididas, encenada no Teatro Clara Nunes, Rio de Janeiro.

Dirigido por seu marido, Marcos Paulo, no filme Antônia será namorada da personagem de Giulia Gam, que vive uma policial.

“É uma aparição rápida. A personagem dela, Telma, sempre fala com a Regina pelo telefone. Mas, um dia, ela aparece na delegacia para fazer uma visitinha”, adianta a atriz.

Já no teatro, na peça de Maria Adelaide Amaral, ela faz a Travesti Gisele sem preconceitos. “Na peça, Gisele dubla Maria Callas. É um mulherão, mas tem algo no meio”, brinca.


Notícias Relacionadas
- Atriz Giulia Gam interpreta uma Lésbica no cinema
- Peça sobre relação amorosa entre presidiários Gays em Salvador
- Brasília recebe a peça "O Diário de Minerva" sobre Transexual
- Teresina sedia a 31ª Edição do concurso Miss Gay Piauí
- Peça "Os Neuróticos" no Rio usa personagem contra a homofobia
- Peça com Edwin Luisi como Trans entra em cartaz no Rio
- Salete Campari interpreta Salomé, Transformista dos anos 60
- Drags se unem em Curitiba para salvar Teatro Odelair Rodrigues
- Vera Fischer prepara-se para viver uma Lésbica no teatro
- Grupo Teatro de Gaia prepara peça infantil Gay

Transexual brasileira estrela campanha internacional da Givenchy

Lea T. com a mão na barriga

A Transexual brasileira Lea T. é estrela da nova campanha outono/inverno da grife Givenchy.

Assistente pessoal do estilista Riccardo Tisci, Lea, que estuda veterinária em Milão, foi fotografada por Mert Alas e Marcus Piggott num estúdio em Paris ao lado das modelos Mariacarla Boscono, Malgosia Bela e Joan Smalls.

"Ela sempre foi muito feminina: superfrágil, muito aristocrática", comentou Tisci. "Faz parte da família."

Para o estilista, incluir uma Transexual nas fotos exemplifica a dicotomia masculino/feminino que se tornou uma de suas marcas registradas.

A nova campanha sairá na edição de julho da revista "L'Uomo Vogue".


Notícias Relacionadas
- Estilista Isabel Mastache lança calça-pênis e sucesso na passarela
- Ator pornô François Sagat se veste de Britney Spears
- American Apparel lança camisetas em defesa da causa Gay
- Estilista Gay é o maior ganhador de medalhas dos Outgames
- Programa Brazil's Next Top Model terá participante Lésbica
- Negócios GLBTs crescem a cada ano no Brasil e no mundo
- Empresa lança grife de joias para o público GLBT
- Grife norte-americana lança novas camisetas pró-Gays
- Grife lança sua nova coleção Gay voltada para ursos
- Comercial mostra homens trocando de cueca uns com os outros

Editora Malagueta lança novo romance Lésbico no Espaço Unibanco


Filho da cantora Cher consegue trocar de nome na justiça

Chaz Salvatore

Chaz Bono mudou de nome. A partir de agora, ele se chama Chaz Salvatore.

Chaz nasceu como menina em 1969, fruto do relacionamento da cantora Cher com o então cantor, depois político, Sonny Bono. O casamento tumultuado dos pais terminou rapidamente em divórcio, e na adolescência Chaz manifestou sua sexualidade.

Inicialmente identificando-se como Lésbica, logo Chaz foi mais além: decidiu trocar de sexo e transformar-se em homem. A operação de mudança de sexo aconteceu em 2009, e agora Chaz conseguiu galgar mais um degrau: trocou de nome legalmente.

Os trâmites aconteceram em Santa Monica, Califórnia. Chaz foi representado pelo Transgender Law Center, e em seus documentos agora consta, além do novo nome, a identificação de sexo: masculino.

"Chaz não poderia estar mais feliz", declarou uma representante do Transgender Law Center. "Este é um passo importante em sua transição".


Notícias Relacionadas
- Filme com Cher e Aguilera faz atriz Kristen Bell desejar ser Lésbica
- Angelina Jolie é a sex symbol preferida das Lésbicas
- Ferramenta analiza seu Twitter para saber se você é hétero
- Condenado britânico troca de sexo e se casa com outra detenta
- Governo cubano financia operações de mudança de sexo
- Professora Trans dá depoimento na novela Viver a Vida
- Homem Transexual americano está grávido do seu terceiro filho
- Transexual americana consegue dedução fiscal por cirurgia de sexo
- Mais um homem Transexual está grávido nos Estados Unidos
- Drags, Transexuais, Travestis, Transformistas e Cross Dressers

10ª Feira Cultural LGBT de São Paulo

Feira Cultural LGBT

Há 10 anos, tradicionalmente, a Feira Cultural LGBT antecede a Parada do Orgulho recebendo cerca de 200 mil pessoas e oferecendo informação e entretenimento gratuitamente.

Além das tendas de comércio e alimentação, ONGs e entidades de cunho social também estão representadas, prestando serviços e apresentando seus trabalhos. Há ainda tendas especiais onde são oferecidas oficinas culturais, de prevenção, cidadania e direitos.

Dentre as diversas atrações que a Feira abriga estão as tendas de comércio, sendo 20 de alimentação e 53 de produtos em geral, como moda, assessórios, perfumes, artes plásticas, decoração, literatura, CDs e DVDs, artigos esotéricos etc.

Ocupando toda a extensão do Vale do Anhangabaú, neste ano a Feira conta com um grande palco – para apresentações de música, performances e artistas da cena LGBT – e uma pista coberta onde os principais DJs da noite de São Paulo se revezam nas pickups.

A 10ª Feira Cultural LGBT ocorre em 03 de junho (feriado de Corpus Christi), das 10h às 22h. Para conferir a programação completa do 14º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo, cujo tema é “Vote contra a homofobia: defenda a cidadania!”, acesse a página da APOGLBT.


Mais informações:
feiraculturallgbt@yahoo.com.br
(11) 7143 6041
(11) 6505 3244


Notícias Relacionadas
- Playcenter sedia a 10ª edição do Gay Day
- Parques da Disney World na Flórida celebram sua Semana Gay
- Bariloche sedia Semana de Esquí Gay de 07/09 a 12/09
- Empresário Gay assumido é o novo presidente da Walt Disney
- Parada Gay de SP vai oferecer assessoria jurídica gratuita
- São Paulo comemora a Semana Nacional da Visibilidade Trans
- São Paulo sedia a 2ª Jornada Lésbica Feminista
- Primeira publicação Gay do Brasil terá seu acervo digitalizado
- Rua Gay recebe turistas durante Olimpíada em Vancouver
- Jornal aponta Parada Gay do Rio como evento imperdível em 2010

São Paulo recebe oficialmente a 1ª Oficina de Literatura Lésbica


Parques da Disney World na Flórida celebram sua Semana Gay

Castelo da Cinderela

Mês do Orgulho LGBT, junho será época de deixar mais colorido alguns dos maiores parques temáticos do mundo. Como já acontece há alguns anos, a Disney World, na Flórida, vai celebrar seus Gay Days com uma semana bem movimentada. A cada dia, um parque vira destino certo para diversão da turma Homossexual.

O primeiro deles será o Animal Kingdom, em 03 de junho. O espaço é inspirado em países exóticos como Nepal e Mongólia e serve como lar para pencas de espécies animais. Lá, é possível sentir o clima de um safári africano e curtir a Expedition Everest, uma das montanhas russas mais emocionantes do mundo.

No dia 04/06, o Gay Day rola no parque Hollywood Studios. Lá, as atrações fazem referência à magia do cinema. O elevador que despenca de uma altura equivalente a 13 andares é uma de suas maiores atrações.

Em 05 de junho é a vez de o Magic Kingdom receber os visitantes Gays. O parque é o maior símbolo da Disney, graças ao famoso Castelo da Cinderela. Não dá para deixar de ir aos Piratas do Caribe, nem à Mansão Mal-Assombrada, cheia de efeitos high-tech.

O último dos Gay Days da Disney, 07 de junho, será realizado no Epcot Center. O parque, famoso pela sua bola gigante (a Spaceship Earth) e é todo dedicado às inovações tecnológicas.

Legal, não? Para facilitar a vida dos brasileiros que pensam em curtir os Gay Days na Disney, a TAM Viagens preparou pacotes exclusivos para o público LGBT.


Notícias Relacionadas
- Playcenter sedia a 10ª edição do Gay Day
- 11 de outubro é o Dia Internacional de Sair do Armário
- Bariloche sedia Semana de Esquí Gay de 07/09 a 12/09
- Empresário Gay assumido é o novo presidente da Walt Disney
- Parada Gay de SP vai oferecer assessoria jurídica gratuita
- São Paulo comemora a Semana Nacional da Visibilidade Trans
- São Paulo sedia a 2ª Jornada Lésbica Feminista
- Primeira publicação Gay do Brasil terá seu acervo digitalizado
- Rua Gay recebe turistas durante Olimpíada em Vancouver
- Jornal aponta Parada Gay do Rio como evento imperdível em 2010

Playcenter sedia a 10ª edição do Gay Day


O próximo evento do Gay Day já tem data confirmada. O encontro, que este ano chega à sua 10ª edição, acontece no dia 5 de junho, das 10h às 22h, no Playcenter.

Para este ano, a organização promete mais de 30 atrações, shows e performances de DJs. Em 2009, o evento reuniu cerca de 6 mil pessoas e foi marcado por uma programação que privilegiou as Lésbicas.

Além do Gay Day, a Associação da Parada do Orgulho LGBT (APOGLBT) divulgou os eventos que farão parte do 14º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo.

Para conferir a programação completa, visite a página da APOGLBT.


Notícias Relacionadas
- 11 de outubro é o Dia Internacional de Sair do Armário
- Bariloche sedia Semana de Esquí Gay de 07/09 a 12/09
- Empresário Gay assumido é o novo presidente da Walt Disney
- Parada Gay de SP vai oferecer assessoria jurídica gratuita
- São Paulo comemora a Semana Nacional da Visibilidade Trans
- São Paulo sedia a 2ª Jornada Lésbica Feminista
- 6ª Parada Gay de Santo André - SP
- Primeira publicação Gay do Brasil terá seu acervo digitalizado
- Rua Gay recebe turistas durante Olimpíada em Vancouver
- Jornal aponta Parada Gay do Rio como evento imperdível em 2010

São Paulo sedia a 2ª Jornada Lésbica Feminista


Em parceria com o Conselho Regional de Psicologia de São Paulo, a Liga Brasileira de Lésbicas (LBL) vai realizar durante todo o mês de junho sua 2ª Jornada Lésbica Feminista.

A programação tem início no dia 02/06, quarta-feira, com o debate “Cidadania Lésbica, conquistando direitos em São Paulo e no Brasil” e termina no dia 29 com a “Leitura crítica da mídia na perspectiva Lésbica feminista”.

O destaque fica por conta da 8ª Caminhada de Lésbicas e Bissexuais de São Paulo, no dia 05/06, o sábado que antecede a Parada Gay.

A Caminhada Lésbica está marcada para as 12:00h, com concentração na Praça Osvaldo Cruz e depois seguindo em direção ao MASP.

Clique aqui para conferir a programação completa.


Notícias Relacionadas
- 1ª Jornada Lésbica Feminista do Rio Grande do Sul
- CopaDellas chega à 8ª edição e com planos para a Copa do Mundo
- Brasil produz seriado Lésbico "Amor, I Love You" para TV paga
- Canal BBC exibe filme sobre Lésbica assumida do Século 19
- Personagem Lésbica Katita ganha uma revista em quadrinhos
- RJ exibe documentário Sou Mulher, Sou Lésbica, Sou Brasileira
- Drama com romance Lésbico de Julianne Moore estreia no Brasil
- Julianne Moore e Annette Benning são mães Lésbicas em filme
- DF sedia o 1º Seminário de Jovens LGBTs de Santa Maria
- Intercâmbio entre Brasil e África do Sul discute saúde de Lésbicas

28 de maio de 2010

África do Sul tem um time de futebol só com jogadoras Lésbicas

Time de Lésbicas Chosen Few

“Chosen Few” é o primeiro e o único time de futebol formado somente por Lésbicas na África do Sul.

O grupo de mulheres joga em um campo cheio de lama, que fica no centro de Joanesburgo. O preconceito da população impede que as jogadoras pratiquem o esporte em melhores condições.

"A gente queria treinar em outros lugares", disse Lerato Marumolwa à agência Reuters. "Mas eles simplesmente não nos deixam entrar."

Com coragem e determinação, o time sul-africano luta contra a violência que acomete os Homossexuais no país.

Lançado em 2004 pelo Fórum para os Direitos das Mulheres (FEW), o “Chosen Few”, que ganhou medalha de bronze nos Jogos Gays disputados em Chicago em 2006 e em um torneio internacional de uma associação de futebol para Gays e Lésbicas disputado em Londres, em 2008, serve como refúgio para essas mulheres na sociedade.


Notícias Relacionadas
- CopaDellas chega à 8ª edição e com planos para Copa do Mundo
- Jogadores da Copa posam só de cueca para revista Vanity Fair
- Foto mostra carinho entre Zlatan Ibrahimovic e Gerard Pique
- África do Sul quer Seleção do Brasil em campanha contra homofobia
- Equipe Modenna vence o torneio de Vôlei Gay do CDG Brasil
- Jogadores de futebol da Austrália em campanha contra homofobia
- São Paulo recebe torneio de futsal e vôlei para GLBTs
- São Paulo vai ter futebol de Drag Queens neste fim de semana
- Comitê de esporte LGBT realizará torneio para Gays e Lésbicas
- Comitê Esportivo LGBT Brasileiro quer jogadores para futebol Gay

Brasil produzirá o seriado Lésbico "Amor, I Love You" para TV paga


O dia-a-dia, os amores e os conflitos de cinco casais Homossexuais – quatro deles de Lésbicas – são o tema do seriado “Amor, I Love You”, série de Ecila Pedroso que poderá ser exibida em breve na TV paga.

Segundo a coluna “Outro Canal”, do jornal Folha de S. Paulo, a TerraSul Produções adquiriu os direitos da obra, em parceria com o produtor Marcelo Braga.

Em entrevista ao jornal, Roberto D’Avila, da TerraSul, acredita não haver probabilidade de emissoras abertas como Globo e Record exibirem produtos como esse nos próximos cinco anos.

Mas, de acordo com D’Avila, emissoras pagas manifestaram interesse. “Porque é um produto de classe, que falta no mercado e traz anunciantes”, disse.

A previsão é de que “Amor, I Love You” entre em produção até o final do ano, tenha 13 episódios e custe R$ 6 milhões. Com locações na cidade de São Paulo, o primeiro episódio da série vai mostrar os conflitos que surgem quando uma advogada percebe que a companheira, bailarina do Municipal, apaixonou-se pela coreógrafa.


Notícias Relacionadas
- Família Gay faz sucesso em seriado americano apresentado na Fox
- Showtime divulga o cartaz de reality show "The Real L Word"
- Atriz Anna Paquim do seriado True Blood revela ser Bissexual
- Justin dá seu primeiro beijo Gay no seriado Ugly Betty
- Atriz Lésbica de Sex and the City faz campanha contra homofobia
- Ator de Will & Grace assume ser Gay na vida real
- Elenco de seriado Gay é convidado a se apresentar na Casa Branca
- Personagem Gay de Malhação ID assume ser Homossexual
- Seriado Gay Will & Grace vai virar reality show nos Estados Unidos
- Atriz Jane Lynch do seriado Glee vai se casar com a companheira

Justiça do Trabalho concede pensão a viúvo Homossexual em Israel

Makefet

A Justiça do Trabalho de Tel Aviv ordenou o pagamento de pensão ao companheiro de um homem falecido, mesmo ele tendo vivido o relacionamento escondido da família.

O fundo de pensão Makefet foi condenado a pagar o benefício ao viúvo Homossexual. Diante da situação, o Tribunal orientou que outros Homossexuais não se sacrifiquem para obter tais benefícios, mesmo nos casos em que o relacionamento era mantido em segredo. Basta entrar na justiça e pleitear seus direitos.

A Makefet é considerada umas das maiores e melhores empresas de previdência privada e poupança de Israel.


Notícias Relacionadas
- Israel quer criar ônibus Gay para divulgar turismo LGBT no país
- Homossexuais são homenageados na Lembrança do Holocausto
- Israel lança serviço telefônico de apoio a Gays e Lésbicas
- Ator brasileiro está em produção pornô Gay internacional
- Israel concede pensão a uma viúva Lésbica
- IGLTA oferece suporte ao Turismo Gay no Oriente Médio
- Justiça mineira garante pensão aos servidores Homossexuais
- Justiça amplia direito de pensão pós-morte a companheiro Gay
- Justiça alemã reconhece direito de Gays a pensão por viuvez
- Descubra quais são os 78 direitos negados aos Homossexuais

Ator Antonio Banderas estará em novo filme de Pedro Almodóvar

Pedro Almodóvar e Antonio Banderas

Antonio Banderas e o diretor Pedro Almodóvar estão prestes a repetir uma parceria que já não acontecia há vinte anos. O ator atuará no novo filme do espanhol, batizado de "La piel que habito". A produção será a estreia de Almodóvar em filmes de terror.

Banderas viverá um cirurgião plástico que passa a seguir o rastro do homem que violentou sua filha. "É o filme mais duro que já escrevi. E o papel de Banderas é brutal", contou o cineasta a jornalistas.

Antonio Banderas e Pedro Almodóvar trabalharam juntos em vários filmes como "Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos" e "Lei do Desejo", onde Bandeiras dá diversos beijos Gays intensos em seu namorado. O último filme almodovariano com Banderas no elenco foi "Ata-me", de 1990.


Notícias Relacionadas
- Canal BBC exibe filme sobre Lésbica assumida do Século 19
- Filme com adolescentes Gays vence a Queer Palm em Cannes
- Cine Purpurina exibe o filme "Rainhas" sobre casamentos Gays
- Drama com romance Lésbico de Julianne Moore estreia no Brasil
- Atriz Giulia Gam interpreta Lésbica e fica com a mulher do diretor
- Beijo Lésbico em novela britânica bate récorde de audiência
- O espião que inspirou o filme "Paciente Inglês" era Gay
- Mel Gibson vai interpretar cantor Gay George Michael nos cinemas
- Leonardo DiCaprio pode viver diretor Gay do FBI no cinema
- Ator Chris Evans foi confirmado no papel de Capitão América

Justiça de Pernambuco reconhece União Homoafetiva

Juíza Paula Maria Malta

Pela primeira vez em Pernambuco uma relação Homoafetiva foi reconhecida como união estável. Em decisão da juíza Paula Maria Malta, da 11ª Vara da Família e Registro Civil da Capital, uma viúva residente no estado, cujo nome e idade foram preservados por sigilo da lei, ganhou a ação proposta após o falecimento da sua companheira.

A sentença ainda é de primeira instância e cabe recurso do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), que pode contestar a declaração. Se a promotoria pública não der voto contra, o caso, no entanto, pode abrir um precedente e servir de jurisprudência para outros juízes.

No Brasil, outros pedidos semelhantes foram aceitos pela justiça, mas o tema ainda é matéria polêmica no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Medidas parecidas foram recebidas nos tribunais do Rio de Janeiro e Minas Gerais.

As duas mulheres viveram juntas por 22 anos consecutivos e, durante esse tempo, chegaram a criar um casal de filhos biológicos, frutos de antigos relacionamentos de cada uma.

A parceira falecida era médica e servidora da Secretaria Estadual de Saúde. Na ação, distribuída à vara da família em 6 de julho de 2008, a viúva alegou que a convivência era pública e notória. Elas administravam uma pousada geriátrica, fizeram viagens juntas e tinham cartões de créditos, negócios e correspondências em conjunto. Também juntaram aos autos depoimentos testemunhais, inclusive do filho da falecida.

A relação afetiva das duas pernambucanas já é reconhecida perante a Previdência Social. Não foi informado há quanto tempo. Mas tanto a viúva como o filho da falecida recebem uma pensão do INSS.

No entanto, o pedido de benefício solicitado por ela junto à Fundação de Aposentadorias e Pensões dos Servidores de Pernambuco (Funape) não foi aceito.

A Funape usou como argumento a Lei Complementar 028, de 14 de janeiro de 2000, que diz que "não inclui pensão por morte na condição de companheiro de relação Homossexual".

Na sua decisão, a juíza Paula Mariadiz que se amparou nos direitos de isonomia e dignidade previstos na Constituição para defender a legitimidade da relação estável entre as duas mulheres.

Para ela, pelo fato de a Carta Magna não conter qualquer cláusula que vede a união entre pessoas do mesmo sexo vale a interpretação do direito igual para todos.

"O artigo 226 da Constituição diz que a família é um bem da sociedade que tem proteção especial do estado. A lei se refere a relações entre homem e mulher, mas não fala em pessoas do mesmo sexo. Não há norma expressa que proíba", alegou.

Paula Malta lembra ainda que a Constituição prevê uma sociedade igualitária, justa e democrática, independente de raça, cor, credo e preconceito. "Se o princípio da isonomia é aplicado em outras áreas, por que não reconhecer o mesmo em relações do mesmo sexo?", questiona.

Para ela, a tendência do STJ é de passar a tratar o assunto de forma mais consensual. Ela diz que espera que sua decisão seja acatada pela promotoria, mas reconhece que a sentença não é unânime entre os juízes.

No final de abril, o STJ manteve a adoção de duas crianças por uma casal de mulheres do Rio Grande do Sul. Em Pernambuco, um casal Homossexual conseguiu, em 2008, uma ação inédita de adoção para cuidar de duas crianças.


Notícias Relacionadas
- Cartórios de Pernambuco agora têm que registrar Uniões Gays
- Travestis pernambucanas são destaque em festival de vídeo
- Pernambuco lança nova campanha contra a homofobia
- Transexual se casa na pequena cidade de Saloá - PE
- Paulista - PE concede pensão a servidor público Homossexual.
- Pernambuco ganha Assessoria de Assuntos GLBTs
- Recife leva campanha Gay Friendly para festival turístico
- Pernambuco aprova pensão para companheiro de servidor Gay
- Pernambuco faz workshop para captar turistas Gays americanos
- 1º Encontro sobre Literatura Lésbica de Pernambuco

27 de maio de 2010

80% dos americanos são a favor de Gays nas Forças Armadas


Uma pesquisa realizada pela CNN aponta que 8 entre 10 americanos são favoráveis à presença de Homossexuais assumidos nas Forças Armadas dos Estados Unidos.

“O apoio é vasto, até mesmo entre Republicanos. Cerca de 60% dos Republicanos são favoráveis à participação de Homossexuais no serviço militar,” revelou Keating Holland, responsável pela pesquisa.

Mesmo com uma diferença na aceitação de acordo com o sexo – 85% das mulheres e 70% dos homens – os números favoráveis permanecem elevados.

O resultado da pesquisa foi divulgado nesta terça-feira, dia 25/05, um dia após a Casa Branca e os Democratas entrarem em acordo para o fim da política “Don’t Ask, Don’t Tell (Não Pergunte, Não Fale)”, que proíbe Homossexuais de revelarem sua sexualidade nas Forças Armadas.

Uma votação deve acontecer nesta quinta-feira para decidir sobre o assunto.


Notícias Relacionadas
- Artista americano lança campanha pelos Gays nas Forças Armadas
- General americano defende Homossexuais nas Forças Armadas
- Exército chama de volta Homossexuais demitidos por Bush
- Jornal Hoje faz enquete sobre Homossexuais nas Forças Armadas
- Soldado Gay britânico realiza eventos GLBTs das forças armadas
- Programa Brasil Sem Homofobia reúne-se com as Forças Armadas
- Revista do exército britânico publica foto de militar Gay na capa
- 73% dos veteranos de guerra aprovam os Gays no exército
- Ex-sargentos Gays do Exército criam abrigo para jovens GLBTs
- Soldado inglês sai do armário após estar na guerra no Afeganistão

Canal BBC exibe filme sobre uma Lésbica assumida do Século 19

Cena do filme "The Secret Diaries of Miss Anne Lister"

A emissora britânica BBC exibe na próxima segunda-feira (31/05) o filme “The Secret Diaries of Miss Anne Lister”, sobre uma empresária assumidamente Lésbica que viveu no século 19.

A atriz Maxine Peake interpreta Anne Lister (1791-1840), uma rica dona de terras que viveu em Yorkshire. Lister desafiou a sociedade da época ao assumir um relacionamento Homossexual com Anne Walker. Elas podem ter sido também as primeiras a se casarem.

Sobre a chance de interpretar Anne Lister, a atriz Maxine Peake comentou: “Anne Lister era uma mulher extraordinária que apenas agora foi documentada na história das Lésbicas. Espero que esse filme atinja um público mais amplo.”


Notícias Relacionadas
- RJ exibe documentário Sou Mulher, Sou Lésbica, Sou Brasileira
- Drama com romance Lésbico de Julianne Moore estreia no Brasil
- Festival de Cinema Gay na Bolívia exibe mais de 50 filmes
- Atriz Giulia Gam interpreta Lésbica e fica com a mulher do diretor
- Ex-namorada de Cristiano Ronaldo dá um beijo Lésbico em filme
- Filme Elvis e Madona vai encerrar festival de cinema na Austrália
- Filme com Cher e Aguilera faz atriz Kristen Bell desejar ser Lésbica
- Filha de Demi Moore e Bruce Willis será Lésbica no seriado 90210
- Lucy Ramos, a Cleuzinha da novela Paraíso, vive Lésbica no cinema
- Cantora Danni Carlos fará cena Lésbica em filme

Cineclube LGBT realiza uma edição em homenagem às mulheres


Em parceria com o Femina – Festival Internacional de Cinema Feminino – serão exibidos cinco curtas-metragens de diferentes países apresentando a ótica das mulheres sobre o universo LGBT.

O Brasil marca presença com "Um Par a Outro", curta dirigido por Cecília Engels que conta a história do relacionamento entre um casal Gay e uma mulher. A exibição dos filmes é seguida pela tradicional festa com o DJ Great Guy.

Cineclube LGBT – Sessão Especial Femina
28/05/10 - Sexta-feira - 21:00h
Cinema Odeon Petrobrás
Praça Floriano, 07 - Cinelândia
Rio de Janeiro - RJ
R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia)
(21) 2240 1093
cineclubelgbt@gmail.com


Notícias Relacionadas
- Cineclube LGBT realiza exibição de filmes no Rio de Janeiro
- Cineclube LGBT exibe festival de filmes sobre Relações Artísticas
- Filme com adolescentes Gays vence a Queer Palm em Cannes
- Festival de Cannes adota premiação Gay pela primeira vez
- Cine Purpurina exibe o filme "Rainhas" sobre casamentos Gays
- Drama com romance Lésbico de Julianne Moore estreia no Brasil
- Festival de Cinema Gay na Bolívia exibe mais de 50 filmes
- Travestis pernambucanas se destacam em festival de vídeo
- Filmes brasileiros concorrem no festival de Cinema Gay de Turim
- Federal do RS promove a mostra Cinema e Homossexualidades

5ª Feira da Diversidade Sexual de Santo André - SP


CopaDellas chega à 8ª edição e com planos para a Copa do Mundo


O evento CopaDellas começou timidamente em 2003, como um projeto paralelo à Parada Gay. Era um campeonato simples, com apenas dois times, numa iniciativa criada por uma garota, na época promoter do clube Bubu Lounge.

Os anos se passaram e o evento foi se fortalecendo, chegando em 2010 à sua oitava edição. E claro, aumentou de tamanho. Embora continue acontecendo somente na cidade de São Paulo, hoje recebe participantes de cidades do interior do estado, como Jundiaí e Campinas, e este ano conta com 24 equipes inscritas.

No total são 300 participantes - todas mulheres, pois como o próprio nome diz, é a Copa "delas". O campeonato é um torneio de futebol de salão feminino, com o objetivo de dar visibilidade ao esporte entre mulheres e às Lésbicas esportistas.

Este ano, os jogos acontecem no fim de semana de 29 e 30 de maio, com a final no sábado, 05 de junho - véspera da Parada Gay de São Paulo. O local é o Clube de Regatas Tietê, na zona norte da cidade. Para assistir, o público pode comprar ingresso ou doar alimentos que serão destinados a instituições beneficentes.

Apesar de não ser um evento oficial do calendário da Parada, a CopaDellas é um marco importante no período, e deve crescer nos próximos anos. A Cads - Coordenadoria de Assuntos da Diversidade Sexual - da Prefeitura de SP planeja fortalecer ainda mais o torneio, fazendo dele um evento estadual, depois nacional, e por fim internacional.

Esse estágio aconteceria em 2014, buscando conectar a CopaDellas com a Copa do Mundo, que na ocasião, como se sabe, acontecerá no Brasil. Boa sorte para as meninas!

8ª CopaDellas
29/05 - 30/05 - 05/06 - 08:00h às 20:00h
Clube de Regatas Tietê
Av. Santos Dumont, 843 - Metrô Armênia
São Paulo - SP
Ingresso: R$ 5,00 ou 1kg de alimento


Notícias Relacionadas
- Equipe Modenna vence o torneio de Vôlei Gay do CDG Brasil
- São Paulo recebe torneio de futsal e vôlei para GLBTs
- Abertas inscrições para 3º Jogos da Diversidade em Fortaleza - CE
- Jogadores da Copa posam só de cueca para revista Vanity Fair
- Foto mostra carinho entre Zlatan Ibrahimovic e Gerard Pique
- África do Sul quer Seleção do Brasil em campanha contra homofobia
- Jogadores da Austrália fazem campanha contra homofobia
- São Paulo vai ter futebol de Drag Queens neste fim de semana
- Comitê de esporte LGBT realizará torneio para Gays e Lésbicas
- Comitê Esportivo LGBT Brasileiro busca jogadores de futebol Gay

26 de maio de 2010

Comunidade LGBT reforma e revitaliza praça pública em São Paulo


A praça que homenageia Darcy Pentado (1926 - 1987), importante pintor, figurinista, coreógrafo, dramaturgo e ativista Homossexual será entregue totalmente revitalizada para os paulistanos no dia 29 de maio de 2010, às 09:00h.

A iniciativa é uma parceria inédita, que conta com a colaboração da Secretaria de Participação e Parceria, Subprefeitura da Sé, Viva o Centro, Ação Local Ipiranga 1, Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual, Conselho de Atenção à Diversidade Sexual e a casa noturna Love Story.

Essas empresas e entidades farão o replantio de árvores e plantas ornamentais e promoverão a conservação da praça, com a ajuda de voluntários. Serão plantadas no local cerca de 2 mil mudas, entre elas fênix de jardim, moréia branca, abacaxi roxo, agave, entre outras plantas ornamentais que vão dar vida nova ao espaço. O trabalho será feito por 20 voluntários.

O mutirão organizado pela Comunidade LGBT trabalhará voluntariamente, limpando e plantando cerca milhares de mudas para presentear o centro da cidade com uma nova e reurbanizada Praça Darcy Penteado. A ação faz parte das comemorações do mês do Orgulho LGBT.

A inauguração oficial está prevista para acontecer às 14:00h com a presença de artistas, personalidades, autoridades e as famosas Drags de São Paulo, que irão animar os voluntários durante todo o dia.

Quem quiser colaborar, será bem vindo. Faça parte dessa ação que tem como objetivo a conscientização ambiental e a construção de uma cidade mais inclusiva com a diversidade.

A praça Darcy Penteado fica na esquina da Av. Ipiranga com Major Sertório, no centro da capital paulista.


Notícias Relacionadas
- Lady Gaga diz que lutará pela Comunidade Gay até morrer
- Ipanema ganha loja voltada ao público LGTB
- São Francisco ganhará uma Calçada da Fama Gay
- Casarão Brasil realiza oficinas de Autoconhecimento para Gays
- Empresa portuguesa de investimento aposta na Comunidade LGBT
- Empresas de Cruzeiros GLBTs criam um fundo para ajudar o Haiti
- Organização elege empresas que mais respeitam GLBTs nos EUA
- Pesquisa elege vereador Gay como o melhor vereador de Alfenas
- Governo de São Paulo cria escola para jovens Gays
- Grupo SP Gay Bikers promove Passeio Ciclístico da Diversidade

Filme com adolescentes Gays vence a Queer Palm em Cannes

Cena do Filme "Kaboom"

"Kaboom" é o nome do filme que levou pela primeira vez a Queer Palm, troféu criado em 2010 pelo festival de Cannes para premiar filmes de conteúdo Gay.

O filme foi dirigido pelo norte-americano Gregg Araki e foca na história de um jovem universitário, Smith, de 18 anos, que se relaciona com rapazes e começa a ter estranhos sonhos relacionados a seu passado familiar.

Após comer um biscoito alucinógeno, o garotão presencia um assassinato de um ser que o perseguia em seus sonhos.

“Eu nunca sonhei que um dia um filme meu seria mostrado no Palais (a sede do festival), onde todos os autores lendários que eu admirava e idolatrava ao longo dos anos têm exibido seus filmes. Ganhar a primeira 'Queer Palm' do festival é quase inacreditável", disse o diretor na cerimônia de entrega do prêmio, neste domingo, 23/05, em Cannes.

A criação de um prêmio exclusivo para produções de temática LGBT segue a tradição dos festivais de Veneza e Berlim, que respectivamente entregam o Queer Lion e o Teddy Bear.

Ator Alexandre Borges grava cena como Jacques Léclair em Ti Ti Ti

Alexandre Borges como Jacques Léclair

Alexandre Borges gravou suas primeiras cenas como o estilista Jacques Léclair, um falso Gay. O verdadeiro nome do personagem é André Spina, nascido e criado em uma vila no Belenzinho, Zona Leste da capital paulista.

Na trama, ele esconderá sua origem e sua família, e terá ateliê no Jardim Anália Franco, voltado para noivas, madrinhas, debutantes e roupas de festa.

A trama será pontuada pela rivalidade entre os personagens de Alexandre Borges e Murilo Benício, Ariclenes, que também inventa um personagem fictício, o estilista espanhol Victor Valentim.

A novela é escrita por Maria Adelaide Amaral com direção de Jorge Fernando. O texto original é de Cassiano Gabus Mendes. Além destes falsos Gays, a novela vai contar com um casal Gay de verdade, vivido pelos gatos Gustavo Leão e André Arteche.


Notícias Relacionadas
- Alexandre Borges fará o papel de Jacques Léclair em "Ti Ti Ti"
- Ator Gustavo Leão fará personagem Gay em "Ti Ti Ti"
- O ator Marcello Antony fará papel Gay na novela "Passione"
- Casal Gay conta na novela Viver a Vida como adotou um filho
- Beijo Lésbico em novela britânica bate récorde de audiência
- Aguinaldo Silva quer beijo Gay na novela "Marido de Aluguel"
- Morre ator Buza Ferraz que fez o primeiro Homossexual na Globo
- Professora Trans dá depoimento na novela Viver a Vida
- Novela Viver a Vida exibe depoimento da Trans Maitê Schneider
- Lucy Ramos, Cleuzinha da novela Paraíso, vive Lésbica no cinema

Peça sobre o amor entre presidiários Gays estreia em Salvador


Estreia no próximo dia 27 de maio, no teatro Martim Gonçalves, em Salvador, a peça "O Melhor do Homem", dirigida pelo ator e professor da Universidade Federal da Bahia, Djalma Thürler, e estrelada pelos cariocas Duda Woyda e Gláucio Machado.

Na peça, Duda e Gláucio interpretam, respectivamente, Dean e Skyler, dois ex-presidiários que vivem uma relação Homossexual. Escrito originalmente pela norte-americana Carlota Zimmerman, quando ela tinha 17 anos, o texto foi encenado por um grupo de jovens em Nova York.

No Brasil, "O Melhor do Homem" fez enorme sucesso em montagem de 1995, com Rubens Caribé e Milhem Cortaz no elenco.

"O Melhor do Homem traz dois presidiários numa relação erótica e violenta", explica o diretor Djalma Thürler. "A peça mostra como vivemos em uma sociedade estruturada no jogo do visível e do invisível, do dito e do silenciado, do plenamente vivido e do que é mantido em segredo", completa.

O projeto foi contemplado com o Prêmio Funarte Myriam Muniz de teatro em 2009. "O Melhor do Homem" fica em cartaz até 13 de junho.

O Melhor do Homem
Teatro Martim Gonçalves
Rua Araújo Pinho, s/n, Canela
Salvador - BA
(71) 3247 8162
Quinta a domingo, às 20:00h
De 27/05 a 13/06
Ingressos: R$ 20,00


Notícias Relacionadas
- Brasília recebe a peça "O Diário de Minerva" sobre Transexual
- Peça "Os Neuróticos" no Rio usa personagem contra a homofobia
- Peça com Edwin Luisi como Trans em cartaz no Rio de Janeiro
- Salete Campari interpreta Salomé, uma Transformista dos anos 60
- Elton John faz peça sobre conflito entre Homossexual e religião
- Vera Fischer prepara-se para viver uma Lésbica no teatro
- Fábula do Patinho Feio ganha versão Gay em peça de São Paulo
- Grupo Teatro de Gaia prepara peça infantil Gay
- Miguel Falabella fará cena de beijo Gay com Diogo Vilela
- Paulo Vilhena fica nu e faz sexo Gay com Beto Bellini em nova peça

Fantástico fala de Travesti com doutorado em universidade pública

Gravação do Fantástico na Escola LGBT

Como funciona o primeiro curso para Gays, Lésbicas e simpatizantes, aberto em São Paulo? E quem é a primeira Travesti a fazer um curso de doutorado numa universidade pública brasileira?

O curioso, de Lázaro Ramos, embarcou em uma viagem para o Ceará para conhecer mais sobre a história de Luma Andrade.

E em Campinas, a equipe da TV Tigela visitou a Escola LGBT, onde os alunos têm aulas de teatro, web design, revista, cinema e dança.

Assista ao vídeo na página do Fantástico. E para saber mais sobre a Escola LGBT, visite a página do quadro O Curioso.


Notícias Relacionadas
- Governo de São Paulo cria escola para jovens Gays
- Escola LGBT de Campinas - SP divulga lista de alunos aprovados
- Escola online para GLBTs começa a funcionar em 2010
- Campinas faz Conferência de Segurança Pública e Juventude GLBT
- Canal Futura promove um debate sobre a homofobia
- Jovens Gays fazem em Campinas ato contra a homofobia na escola
- Presidente Lula se reúne com Drag para debater juventude LGBT
- Jovens LGBTs ganham mais um espaço em Piracicaba - SP
- Grupo Gay E-Jovem inaugura filial em Mogi das Cruzes - SP
- Campinas faz matinê LGBT para adolescentes a partir de 14 anos

25 de maio de 2010

Lady Gaga afirmou que vai lutar pela Comunidade Gay até morrer

Lady Gaga

A cantora Lady Gaga disse em entrevista a uma emissora de TV francesa que não se importa com os boatos sobre possuir um pênis.

Assumidamente Bissexual, Gaga admitiu: “Adoro o boato sobre possuir um pênis. Sou fascinada por isso. Na verdade, isso me faz amar cada vez mais meus fãs porque 17 mil deles vão me assistir todas as noites e eles não se importam se eu sou homem, mulher, Hermafrodita, Gay, hétero, Transgênero ou Transexual.”

Para a cantora, o que realmente importa é a “música e a liberdade”. “Essa foi a grande conquista da minha vida – fazer com que os jovens joguem fora o que a sociedade lhes ensinou como errado. A cultura Gay é a grande essência do que sou e lutarei pelas mulheres e pela Comunidade Gay até morrer”, disse ela.


Notícias Relacionadas
- Barbudos fazem paródia Gay da música Poker Face de Lady Gaga
- Lady Gaga promove festa de gala pelo Casamento Gay nos EUA
- Lady Gaga vira personagem em quadrinhos nos Estados Unidos
- Lady Gaga participa de marcha pró-GLBTs em Washington
- Amy Winehouse, Madonna e Lady Gaga na Turma da Mônica
- Lady Gaga participa de festa pelos direitos GLBTs
- Angelina Jolie é a sex symbol preferida das Lésbicas
- Wanessa Camargo se apresenta com dança do poste em boate Gay
- Lésbica assumida Ellen DeGeneres vira história em quadrinhos
- Conheça algumas celebridades que têm irmãos Gays

Canal Futura promove um debate sobre a homofobia


O Canal Futura exibe na noite desta terça-feira, 25/05, às 21:00h, um debate sobre a homofobia.

O assunto é o tema do programa “Sala de Notícias em Debate” e para falar sobre ele a produção convidou o ativista Deco Ribeiro, diretor da Escola LGBT e fundador do grupo E-Jovem, ambos de Campinas.

Quem perder o episódio pode conferir a reprise na madrugada de sábado para domingo, à 00:30h.

O programa é bem interativo e o telespectador pode participar de várias maneiras: perguntas e opiniões podem ser enviadas por e-mail ou serem feitas por telefone, além da participação por meio da enquete no ar na página do Canal Futura, que terá seu resultado comentado no fim do encontro.


Notícias Relacionadas
- Canal ABC apresenta documentário sobre crianças Transexuais
- Canal Showtime divulga elenco de reality show com Lésbicas
- 5º Salão do Turismo inclui debate sobre o Turismo LGBT
- Projeto Purpurina faz debate sobre Gays e Lésbicas bem sucedidos
- O Homem do Tempo da BBC posa para a revista Gay Attitude
- Seriado Gay Glee é premiado com o Globo de Ouro
- TV UNAM exibe Casamento Gay no México
- Canal britânico exibe documentário sobre Transexual de oito anos
- Grupo Gay GLAAD elege os canais de TV mais Gay-Friendly
- HBO prepara série baseada em romance sobre Hermafrodita

Missão brasileira apresenta políticas para grupo LGBT na Colômbia


Uma missão da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) chegou a Bogotá, Colômbia, na segunda-feira, 24/05.

O principal objetivo da visita é apresentar o trabalho desenvolvido pelo governo brasileiro na área de Promoção dos Direitos LGBTs.

“Iremos compartilhar a nossa experiência na criação e nas estratégias de execução da política nacional de direitos humanos com enfoque na garantia na promoção dos direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais”, afirma a diretora do Departamento de Cooperação Internacional da SDH, e chefe da missão, Maria do Carmo.

Segundo ela, o Brasil foi convidado pelo governo de Bogotá para elaborarem um projeto de coperação técnica bilateral. “Iremos atuar em diversas áreas do governo local e nacional”, explica Maria do Carmo. A missão cumprirá agenda até o dia 29 de maio de 2010.

O Programa Brasil Sem Homofobia foi lançado em 2004 a partir de uma série de discussões entre o governo federal e a sociedade civil. O projeto foi organizado com o intuito de promover a cidadania e os direitos humanos LGBTs.

A SDH/PR é o órgão responsável por coordenar as diversas ações desenvolvidas para atingir os objetivos do Programa Brasil Sem Homofobia. A iniciativa prevê ações de capacitação e desenvolvimento, apoio a projetos de governos estaduais, municipais e organizações não-governamentais e implantação de centros de referência para combate à homofobia em todo o país.


Notícias Relacionadas
- Programa Brasil Sem Homofobia seleciona voluntários
- Marcha Nacional contra a Homofobia reúne milhares de pessoas
- 1ª Marcha Nacional contra a Homofobia invade a capital do Brasil
- Intercâmbio entre Brasil e África do Sul discute saúde de Lésbicas
- Governo Federal cria Coordenação Geral de Promoção GLBT
- Programa Brasil Sem Homofobia reúne-se com as Forças Armadas
- Pernambuco discute a implantação do Brasil Sem Homofobia
- Câmara dos Deputados aprova emenda contra homofobia na escola
- Polícia de Fortaleza recebe treinamento para combater a homofobia
- São Paulo ganha Plano Estadual de Enfrentamento da Homofobia

Piauí ganha oficialmente seu Dia Estadual do Orgulho LGBTT

Deputada Estadual Flora Izabel

O Governo do Estado do Piauí publicou em seu Diário Oficial no último dia 14/05 a Lei nº 6002 de 14 de maio de 2010, assinada pelo governador Wellington Dias (PT) e que institui o Dia Estadual do Orgulho LGBTT.

O texto prevê ainda que na mesma data todos os eventos piauienses devem fazer referência, lembrar de alguma forma, a esta data celebrada mundialmente.

A lei, de autoria da deputada estadual Flora Izabel (PT), prevê ainda em seu segundo parágrafo que além da menção devem ser realizadas, em 28 de junho, iniciativas como palestras, debates, oficinas e fóruns “que tenham por fim a informação, divulgação, prevenção e combate à discriminação quanto à orientação sexual”.

Agora falta uma Lei Federal nesse sentido, né?


Notícias Relacionadas
- Taboão da Serra - SP aprova o Dia de Combate à Homofobia
- Lei de Casamento Gay foi aprovada pelos deputados argentinos
- Schwarzenegger aprova Harvey Milk e União Gay de outros estados
- Deputado do Amazonas propõe criação do disque Homofobia
- Macapá aprova projeto que cria o dia de combate à homofobia
- São Sebastião do Paraíso - MG aprova sua Lei Rosa
- Prefeito de Florianópolis aprova lei que pune a homofobia
- Mesquita - RJ aprova o Dia de Combate à Homofobia
- Eduardo Suplicy pede que Senado criminalize a homofobia
- Afinal, o que diz a lei contra a homofobia?

DF sedia o 1º Seminário de Jovens LGBTs de Santa Maria


Neste sábado 29/05, acontece o 1º Seminário de Jovens LGBTs de Santa Maria, no Distrito Federal. O evento marcará o início do projeto Despertar da Cidadania, que oferecerá oficinas de hair design, teatro e dança para o público LGBT.

O evento ocorre a partir das 08:00h, na Creche Gotinha de Luz (Área Especial 217), em Santa Maria Norte.

Dentre os palestrantes estão representantes do Governo Federal e profissionais de saúde. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (61) 8471 2799 ou (61) 8441 0381.

orgulhodf@gmail.com


Notícias Relacionadas
- Câmara dos Deputados sedia Seminário LGBT de direitos humanos
- Marcha Nacional contra a Homofobia reúne milhares de pessoas
- 1ª Marcha Nacional contra a Homofobia invade a capital do Brasil
- Universidade de Brasília sai do armário para discutir temas LGBTs
- OAB-RJ e PUC-Rio realizam o 1º Seminário da Diversidade Sexual
- Porto Velho sedia o 7º SENALE - Seminário Nacional de Lésbicas
- 1º Seminário Nacional de Gestores na Promoção dos Direitos LGBTs
- Escola promove seminário sobre educação sexual de alunos
- Igreja inclusiva faz seminário sobre bíblia e Homossexualidade
- Grupo Elos faz Seminário de Visibilidade de Travestis e Transexuais

23 de maio de 2010

Jogadores da Copa posam apenas de cueca para revista Vanity Fair


A revista Vanity Fair resolveu agradar o público masculino e publicou um ensaio com os principais jogadores das seleções da Copa da África só de cueca. As peças íntimas são estilizadas com a bandeira dos países de cada atleta.

O brasileiro Kaká é o único que tem que ser diferente, por causa da sua religião, que diz que pode ganhar dinheiro à vontade, mas não pode mostrar a cueca. ele está de calça e deixou apenas a barra da cueca à mostra.

O outro representante brasileiro é Alexandre Pato. O detalhe é que o jogador do Milan não está sendo convocado por Dunga e tem poucas chances de ir à Copa.

Os outros jogadores clicados por Annie Leibovitz foram Muntari (Gana), Donovan (Estados Unidos), Eto'o (Camarões), Cristiano Ronaldo (Portugal), Ballack (Alemanha), Drogba (Costa do Marfim) e Stankovic (Sérvia).


Notícias Relacionadas
- Foto mostra carinho entre Zlatan Ibrahimovic e Gerard Pique
- África do Sul quer Seleção do Brasil em campanha contra homofobia
- Equipe Modenna vence torneio de Vôlei Gay do CDG Brasil
- Jogadores de futebol da Austrália em campanha contra homofobia
- Comitê Esportivo LGBT Brasileiro quer jogadores para futebol Gay
- Gareth Thomas, herói do rugby britânico, revela ser Gay
- Time australiano de rugby entra em campanha contra homofobia
- Pesquisa revela que número de Gays é alto no futebol americano
- Transexual masculino joga na Liga Australiana de Futebol
- FIFA ameaça excluir Uganda da Copa por homofobia

Continental Airlines faz parceria com Câmara de Comércio LGBT


Após a assinatura de uma parceria, a Sra. Monisa Cline, VP de Vendas da América do Norte da empresa aérea americana Continental Airlines disse: "Estamos orgulhosos da parceria com a International Gay & Lesbian Chamber of Commerce (IGLCC), e empenhados em explorar as oportunidades que são diversas e inclusive do nosso trabalho e na comunidade. A diversidade é uma parte importante da nossa filosofia empresarial e é algo que levamos muito a sério, incentivando a inclusão e tratar todos com dignidade e respeito. Nós nos esforçamos para promover a abertura, a compreensão e aceitação de todos os indivíduos, incluindo a comunidade LGBT. Estamos animados para anunciar nossa parceria com a IGLCC e estamos ansiosos para interagir com seus membros."

A Continental ganhou a classificação máxima de 100 por cento em 2010 do índice"Corporate Equality Index (CEI)", em uma pesquisa anual administrada pela "Human Rights Campaign Foundation".

Os esforços da empresa em assegurar a igualdade LGBT em cada um dos critérios principais da pesquisa também ganharam a classificação máxima de 100%.

A Continental Airlines é a quinta maior companhia aérea do mundo, opera mais de 2.500 vôos diários pelas Américas, Europa e Ásia, servindo 133 destinos domésticos e 135 internacionais.

Continental é um membro da Star Alliance, que em geral oferece 19.700 vôos diários para 1.077 aeroportos em 175 países através das suas 26 companhias membro.

Com mais de 41.000 empregados, a Continental tem centros de conexões em Nova York, Houston, Cleveland e Guam, e juntamente com seus parceiros regionais, transporta cerca de 63 milhões de passageiros por ano.

A Continental vem constantemente ganhando prêmios e elogios da crítica por suas operações e sua cultura corporativa. Pelo sexto ano consecutivo, a revista FORTUNE nomeou Continental Airlines a n. º 1 do mundo como A Mais Admirada na sua lista de 2009.

A Continental Airlines também é membro fundador da área Corporativa da IGLCC.


Notícias Relacionadas
- ABRAT-GLS lança o programa Eu Amo Viajar de turismo LGBT
- Rio concorre ao título de melhor destino Gay do mundo
- 5º Salão do Turismo debate o Turismo LGBT na sua programação
- Intercâmbio entre Brasil e África do Sul discute saúde de Lésbicas
- Florianópolis será sede de Convenção Global de turismo Gay
- TAM faz anúncio na Argentina pra atrair turistas GLBTs ao Brasil
- Negócios GLBTs crescem a cada ano no Brasil e no mundo
- São Paulo inaugura sua Central de Informação Turística GLS
- Grupo de amigas promove acampamento Lésbico na Espanha
- Embratur e ABRAT-GLS assinam acordo para o turismo GLBT

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails